GNU vai ao pódio no Grand Prix de Judô Paralímpico em São Paulo

06 de dezembro de 2021

GNU vai ao pódio no Grand Prix de Judô Paralímpico em São Paulo
GNU vai ao pódio no Grand Prix de Judô Paralímpico em São Paulo
GNU vai ao pódio no Grand Prix de Judô Paralímpico em São Paulo
Foi dada a largada para mais um ciclo paralímpico no judô. O Grand Prix de Judô Paralímpico, disputado na última sexta-feira (3), em São Paulo, deu o pontapé inicial no ciclo da modalidade rumo a Paris, palco da próxima edição dos Jogos Paralímpicos, em 2024. Onde todos os atletas da seleção brasileira que participaram do evento ganharam nas respectivas categorias. O evento foi o primeiro em território nacional desde o início da pandemia.

Representando o GNU, as atletas Luiza Oliano na categoria até 48kg, junto com Cristina Xerxenesky da categoria até 70kg e por Wellman Britto na categoria acima 100kg, marcaram presença na competição, acompanhados pela treinadora Carla Oliveira, que deu todo o suporte para os nossos atletas do lado de fora do tatame. Com uma prata para Oliano e um bronze para Xerxenessky, o GNU segue na rota para Paris 2024.

Resultados:

Luiza Oliano - 48kg – 2º lugar

Cristina Xerxenesky - 70kg – 3º lugar

Wellman Britto - 100kg – 5º lugar

 

O evento marcou o retorno da modalidade ao calendário da Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais (CBDV), e foi o primeiro da modalidade em território nacional em dois anos. O último fora justamente o Grand Prix de 2019, em novembro daquele ano. Por conta da pandemia, as duas etapas de 2020 e a primeira de 2021 não puderam ser realizadas.

Usamos cookies para fornecer recursos dos nossos sistemas e melhorar a experiência do usuário. Para saber mais, leia a política de privacidade.